• Sem categoria

    Roupas de usar em casa: Como o coronavírus vai fazer você investir em homewear

    Mal acreditei na primeira vez que vi, em novembro do ano passado, que a Zara Home no Brasil, loja de decoração da Zara, tinha uma linha de roupas para ficar em casa. A arara da marca ostentava camisas, calças de linho, cardigãs e vestidos amplos. Peças que ficavam no meio do caminho entre o pijama e um look de fim de semana —arrumado, mas confortável— que saíam por cerca de R$ 150. Foi o dia que descobri o homewear, tendência que, de acordo com especialistas, já bombava antes da disseminação do do novo coronavírus, e que deve surgir ainda mais forte após a pandemia. . “As empresas vinham adotando o…